O fato de a Engenharia Civil e a Arquitetura terem atribuições profissionais semelhantes, principalmente quando se trata do ramo da construção civil, faz com que muitos pensem que as duas profissões são iguais. O engenheiro, pode trabalhar com construções civis, estruturas e fundações, geotécnica, hidráulica, infraestrutura e saneamento. Para realizar isso, ele precisará analisar dados, comparar projetos, identificar inconsistências, considerar os custos da execução da obra, observar as normas da lei, encontrar potenciais impactos ambientais e ter grande responsabilidade pela solidez de seus projetos. É função do engenheiro civil apresentar a viabilidade de um projeto, por meio da escolha dos materiais utilizados, do tempo de execução da obra e da segurança. Enquanto isso, o arquiteto projeta, coordena, gerencia equipes e supervisiona o processo de construção. Utilizando soluções criativas, estéticas, históricas, culturais, funcionais e com impactos urbanos e ambientais conscientes, o arquiteto projeta uma construção ou reforma verificando as condições do local, limites financeiros e espaciais para adequação do espaço para sua finalidade desejada. O principal desafio do arquiteto é tornar os projetos funcionais, pensando no conforto e na estética sem prejudicar o meio ambiente. É ele quem pensa na harmonia entre a iluminação, ventilação e móveis de um ambiente. Portanto, cada profissional tem sua função em uma obra! Gostou de saber a diferença entre essas duas belíssimas profissões e os papéis que cada uma pode ter no seu projeto? Então, para ficar por dentro disso e de muito mais, não perca o primeiro reality de construção de Ribeirão Preto!  

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *